Caixas Altec – mudança de setup

Numa das vezes que fui à Icauto Motors para ver o andamento do serviço em meu Dodge, percebi no canto da oficina, junto a vários outros equipamentos um par de caixas de som antigas. Quando me aproximei, percebi que era um modelo de caixa da Altec.

???????????????????????????????

Para quem não conhece, a Altec é uma das marcas da JBL. James B. Lansing foi o fundador das icônicas caixas e falantes, tendo ainda uma outra subsidiária, a Lansing, que equipa hoje alguns notebooks do mercado com seu sistema de alta-fidelidade.

Cada vez que ia até lá, via que o conjunto estava num lugar diferente mas não sendo utilizada. Num desses momento, me virei para o Marcus Pessanha e disse:

“Cuida bem delas porque não é uma marca qualquer”. Essa minha “advertência” foi corroborada pelo amigo Marcelo Aquino, conhecido como “Folha”, também conhecedor de equipamentos antigos.

Em uma sexta-feira comemorativa do aniversário do Marcus, ele se vira e me pergunta: “quer aquelas caixas que estão lá na oficina?”. Eu disse afirmativamente e prometi busca-las na semana seguinte.

??????????????????????????????? ??????????????????????????????? ???????????????????????????????

Assim foi…busquei-as sozinho, subestimando seu peso. São 17 kg para subir 2 lances de escada, já que onde moro não tenho elevador. Considere também descer com o par de Polivox 70s para o quartinho da bagunça do meu bloco. Seu estado geral é muito bom, considerando sua idade e uma possível manipulação durante sua vida. Seus conectores são para plug banana, adaptação que realizei com facilidade.

Pequenas manchas não tiram seu valor. Gosto das marcas de idade. Gosto da poeira contida.

???????????????????????????????

Ao ouvi-las, tive uma percepção inicial que não foi muito boa: graves excessivos. Quando comecei a realizar meus ajustes, entendi que o seu comportamento para uma caixa 2 vias (woofer 12″ e tweeter) era condizente com o projeto: elas são caixas monitores. Resumindo, há uma tendência para neutralidade no seu funcionamento. Mas então por quê achei que as baixas frequências sobressaiam?

Loudness é a resposta.

As caixas Vox 70s anteriores possuem um projeto que privilegia o médio, pois o receiver 4080 original possui um equalizador de 5 bandas. Esteticamente havia uma máxima de colocar os ajustes em forma de catenária (barriga), enfatizando as frequências extremas e minimizando as médias. Assim as caixas do conjunto pareciam equilibradas.

Não; equilibrado está agora.

O som se tornou mais natural quando coloquei o controle de loudness desligado e mantive os graves e agudos em flat . As frequências mais baixas são evidentes por utilizar um transdutor (mais conhecido como alto-falante) de 12″. Sub pronunciado é sua marca.

???????????????????????????????

Outro fato que me marcou foi que há maior fator de amortecimento e impedância. O amplificador precisa fazer mais força para emitir o som, consequentemente você precisa aumentar o volume. Se antes ouvias uma música no 2, agora tem de aumentar para 3 ou 4. O reverso da moeda é de que  o aparelho aquecerá menos porque a impedância de 8 ohms alivia o conjunto como um todo (antes era aproximadamente 5 Ohms em repouso).

Resumo: estou muito satisfeito com meu novo-velho brinquedo.

Anúncios

2 opiniões sobre “Caixas Altec – mudança de setup

  1. Meus parábens pela excelente aquisição e por não cogitar mudanças nas caixas.São realmente produtos dignos de admiração pelo som emitido e reproduçao sem coloração,natural,equilibrada.Ja tive varias oportunidades de ouvir caixas de som da JBL e Altec Lansing e fiquei embasbacado.Não há comparativos…sublimes,fantasticas,não há adjetivos para definir tamanha pureza sonora.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s